Sobre jardins

Gostaria de exercitar a escrita diariamente. Registrar pensamentos, monólogos aleatórios, contos e causos, vividos ou imaginados. Queria pintar um quadro, escrever uma poesia, falar de filosofia. Plantar uma árvore, subir uma montanha, atravessar um rio. Queria tomar um café bem quente, sentar-me na varanda de uma casa antiga, ouvir os fantasmas que não quiseram ir, e com … Continue lendo Sobre jardins